Você está aqui: Página Inicial > Editores > Notícias > PÓS-GRADUAÇÃO DO CAMPUS III DA UFPB VISITA ESTAÇÃO DE PESQUISA NA ASPLAN EM CAMARATUBA

Notícias

PÓS-GRADUAÇÃO DO CAMPUS III DA UFPB VISITA ESTAÇÃO DE PESQUISA NA ASPLAN EM CAMARATUBA

por publicado: 31/05/2017 16h59 última modificação: 31/05/2017 16h59

Alunos de processos trofobióticos de proteção de plantas sob a Coordenação do Prof. Dr. Marcos Barros de Medeiros do Programa de Pós Graduação em Ciências Agrárias da UFPB, Campus de Bananeiras, participam em Visita Técnica a Estação Experimental de Pesquisa da ASPLAN- Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba.

 FOTO 01.jpg

Nesta estação em Camaratuba-PB, de propriedade da UFPB, a Asplan mantém dois laboratórios referência que produzem controladores biológicos – vespas e fungos, que fazem a defesa das principais pragas em canaviais, a exemplo da Broca Comum (Diatraea saccharalis)  e as Cigarrinhas da folha e da raiz (Mahanarva fimbriolata e  Mahanarva posticata). Por mês são produzidos cerca de 12 milhões de Cotesia flavips (vespas) e cinco toneladas do fungo Metahizium anisopliae (fungo) que integram juntas um dos maiores programas de controle biológico da américa do sul.

 FOTO 02.jpg

Os laboratórios ainda desenvolvem a produção do fungo entomopatogênico Beauveria bassiana, controlador da broca ou moleque da bananeira e produz, por meio de um engenho piloto, rapadura e derivados da cana.

 FOTO 03.jpg

A entidade também desenvolve a multiplicação de variedades de cana promissoras, atuando como parceira do Governo estadual na distribuição de cana-semente para os produtores.

 FOTO 04.jpg

A atividade ocorreu nesta quinta-feira 25/07/2017 e contou com a participação do Diretor Técnico da ASPLAN o Eng. Agro. Dr. Vamberto de Freitas Rocha e o biólogo Roberto Balbino da Silva, Coordenadores de toda equipe de profissionais e técnicos da estação de pesquisa, que nesta data completam 30 anos juntos com as solenidades de comemoração aos 60 anos da fundação da Asplan na Paraíba. 

Associação – A Asplan é uma entidade representativa da classe dos plantadores de cana-de-açúcar do Estado da Paraíba, fundada em 27 de maio de 1957, que tem como finalidade defender os interesses de seus associados, produtores nas esferas pública e privada. Hoje são 1.800 associados, entre pequenos, médios e grandes produtores.

Ela hoje conta com uma área de atuação que envolve mais de trinta municípios do Litoral, Agreste e Brejo paraibano e tem um histórico de lutas e ações que contribuíram para o respeito e consolidação da classe produtiva canavieira paraibana, nos cenários local, regional e nacional.

FOTO 05.jpg