Você está aqui: Página Inicial > Contents > Páginas > Institucional > Pós-Graduação > PPGCAG

PPGCAG

por marcelosoares publicado 05/04/2016 15h10, última modificação 06/02/2018 14h45
Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias (Agroecologia)

HISTÓRICO

O Programa de Pós-Graduação em Ciências Agrárias (Agroecologia)-PPGCAG, nível Mestrado, foi aprovado com Conceito 3 pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) no segundo semestre de 2011, no Centro de Ciências Humanas Sociais e Agrárias (CCHSA) da Universidade Federal da Paraíba, tendo como área básica a Agroecologia.
O PPGCAG conta atualmente com treze docentes permanentes e cinco colaboradores, sendo um pesquisador em produtividade em pesquisa do CNPq, de nível 1C, envolvendo pelo menos sete grupos de pesquisa cadastrado na base de dados do CNPq (Agroecologia, Resistência e Educação do Campo - UFPB; Educação do campo e Agroecologia – UFPB; Patologia e Controle Microbiano de Insetos – ESALq/USP; Impacto de mudanças climáticas globais sobre a proteção de plantas – EMBRAPA; Manejo Cultural e Ecofisiologia – EMBRAPA; Mudanças Climáticas e o Semiárido – EMBRAPA; Negentropia Fisiológica – EMBRAPA e Agroenergia - Oleaginosas Alternativas Potenciais – EMBRAPA, entre outros e o Núcleo de Ensino, Pesquisa e Extensão em Agroecologia do Território da Borborema (NUEPEA). O Programa ainda conta a parceria da Embrapa Algodão.
O PPGCAG permitirá o aprofundamento na área de concentração de Agroecologia e Desenvolvimento Rural Sustentável com as linhas de pesquisas: 1) Ciências Agrárias, Indicadores e Sistemas de Produção e 2) Desenvolvimento Rural, Processos Sociais e Produtos Agroecológicos. 
O Programa tem o intuito de intervir na qualidade da formação técnica e humanista de profissionais bacharéis e licenciados para atuação em parceria com os assentados e comunidades de agricultores familiares, bem como permitir que transmitam os conhecimentos técnicos que adquiriram ao longo do curso em contrapartida concomitante ao conhecerem a realidade rural dos agricultores, objetivando a melhoria de qualidade de vida econômica e social de suas famílias.
A principal característica, mais visível e frequente deste curso, será promover os amplos debates sobre a sociedade brasileira, refletindo sobre qual o verdadeiro papel da Universidade como centro de articulação do saber dominante com a área das Ciências Agrárias, como suporte intelectual ao desenvolvimento das cadeias produtivas. Vale salientar que o novo modelo proposto adota a formação voltada para a agricultura e incorpora a difusão do discurso e da prática agroecológica, que consiste na produção de melhorias na renda e nas condições de vida e trabalho da população do campo. 
Historicamente, os movimentos sociais do campo têm sido o esteio de propostas de transformação e mudança de rumos na Universidade. O campo brasileiro, cujo crescimento nos últimos anos mostra-se promissor no horizonte da questão agrária, tem elaborado e influenciado o debate e a busca de alternativas para àquelas comunidades de origem rural. A intenção dessa proposta é confirmar a existência de um conjunto de forças internas e externas movendo a Universidade para transformá-la no sentido de colocá-la a serviço dos interesses da maioria da população campesina.
Assim, a problemática da carência de pesquisa no ensino superior agrário deverá ser suprimida pela inserção dos novos profissionais a serem capacitados nessa nova conjuntura. A estruturação da proposta desse curso partiu das diversas manifestações e reivindicações feitas por comunidades e pesquisadores da área, entidades representantes de produtores rurais e organizações sociais diversas, que observam no PPGCAG uma oportunidade de qualificar profissionalmente e adequadamente os professores e técnicos agentes intervencionistas e demais profissionais educadores das escolas do campo ou voltadas para os povos do campo; contribuir para a melhoria da qualidade de renda e de vida dos jovens trabalhadores de diversas áreas do campo agropecuário brasileiro, a partir do desenvolvimento de processos e métodos que sejam apropriados à realidade campesina. Nesse contexto, esse projeto de curso tem como objetivo atingir além dos professores educadores das escolas, Institutos Superiores e Universidades do Campo, profissionalizantes de nível básico, técnico e tecnológico ou de nível superior universitário, seus sujeitos educandos e educandas, numa perspectiva agroecológica e de sustentabilidade, adotando-se uma proposta profissional e uma política pedagógica comprometida com as transformações sócias, econômicas e educacionais para superação de seus obstáculos.


PERFIL DOS EGRESSOS E OBJETIVOS DO PROGRAMA

Os Mestres egressos do PPGCAG serão profissionais com formação científica sólida e consciência social. Serão capazes de atuar em atividades de ensino, pesquisa e extensão na avaliação de metodologias específicas de programas e projetos que tratem dos agroecossistemas e ecossistemas naturais, de especificação da produção, manejo da biodiversidade e das relações humanas com o meio natural.
O PPGCAG proporcionará à sociedade profissionais com formação metodológica com a capacidade de trabalhar em interface de conhecimentos, equipes e projetos de pesquisa multiprofissionais.
Portanto, pretende-se formar profissionais comprometidos com o entendimento e aplicação de conceitos e métodos adotados pela Agroecologia, enquanto dimensões fundamentais da agricultura sustentável e dotados de uma efetiva base científica e técnica para uma visão integrada e de natureza interdisciplinar na busca do desenvolvimento rural sustentável. Os Mestres devem ser capazes de produzir e difundir o conhecimento científico e o desenvolvimento de manejo agroecológico e qualificado para consolidar e avançar os conhecimentos disponíveis, contribuindo diretamente em nível científico e, indiretamente, em níveis político, econômico, sociocultural e ambiental para a implantação de sistemas agroecológico de produção agropecuária.


ALUNOS INGRESSANTES:

Um total de doze alunos ingressam no Curso anualmente.

LINHAS DE PESQUISA

1) Ciências Agrárias, Indicadores e Sistemas de Produção

Estudos orientados pelos paradigmas agroecológicos nas suas mais diversas abordagens: desenvolvimento de sistemas agrícolas e pecuários que sejam economicamente viáveis, ecologicamente equilibrados e socialmente adequados, contribuindo para a transição agroecológica a partir da racionalização e substituição do uso de insumos. Desenvolvimento de indicadores de sustentabilidade locais e regionais de forma participativa com grupos que estarão envolvidos nos programas ou ações de pesquisa. Formas de intervenção no campo. Desenvolvimento sustentável da agricultura familiar-camponesa. Ensino Superior Agrário: métodos, progressos e propostas.

2) Desenvolvimento Rural, Processos Sociais e Produtos Agroecológicos

O papel da Agroecologia e a compreensão da realidade agroecológica e campesina regional. Estudo das interações sociais, educacionais e ambientais no campo brasileiro. Desenvolvimento e validação de tecnologias e processos aplicáveis à produção, processamento, conservação e comercialização de alimentos agroecológicos. Tecnologias aplicáveis no desenvolvimento alternativo de produtos e serviços Agroecológicos. Manejo ecológico de doenças e de parasitas, com a finalidade de se promover a saúde da agropecuária regional e a sustentabilidade sócio-ambiental e econômica dos agroecossistemas.

 

PÚBLICO ALVO

Profissionais nas áreas de Ciências Agrárias, Agroecologia, Agroindústria, Agronomia, Biologia, Zootecnia, Engenharia Florestal e Medicina Veterinária.


COMPOSIÇÃO CURRICULAR

DISCIPLINAS

Fundamentos Antropo-Filosóficos da Agroecologia

Metodologia de Pesquisa

Planejamento de Pesquisa e Análise de Dados

Seminários de Pesquisa em Ciências Agrárias

Ecologia e Educação Ambiental

Tópicos Especiais em Ciências Agrárias

Sistemas Agroecológicos de Produção Vegetal

Sistemas Agroecológicos de Produção Animal

Ecofisiologia vegetal em agroecossistemas

Metodologia do Ensino na Educação Agrária Superior

Sistemas Agroflorestais

Manejo Agroecológico de Resíduos Orgânicos

Conservação de recursos Genéticos em Agroecossistemas

Processos Trofobióticos de Proteção de Plantas

Processos de conservação do Solo e Água em Sistemas Agroecológicos

Agricultura Familiar e Desenvolvimento Regional

Educação do Campo

Tecnologia e Desenvolvimento de Produtos e Serviços no Mercado Agroecológico


PROFESSORES

1) Ciências Agrárias, Indicadores e Sistemas de Produção Sustentáveis

Nome/TitulaçãoFunçãoCurrículo Lattes

Alex da Silva Barbosa, Dr.

Permanente

http://lattes.cnpq.br/0957218486770990

Manoel Alexandre Diniz Neto, Dr.

Permanente

http://lattes.cnpq.br/4631456576223749

Italo de Souza Aquino, Ph.D

Permanente

http://lattes.cnpq.br/8077469301474299

Raunira da Costa Araújo, Dra.

Permanente

http://lattes.cnpq.br/1275926609227930

Nair Helena Castro Arriel, Dra.

Permanente

http://lattes.cnpq.br/6436236152448398

Vênia Camelo de Souza, Dra.

Colaborador

http://lattes.cnpq.br/2813662242295578

2) Desenvolvimento Rural, Processos Sociais e Produtos Agroecológicos

Nome/TitulaçãoFunçãoCurrículo Lattes
George Rodrigo Beltrão da Cruz, Dr.  Permanente

http://lattes.cnpq.br/6074726949245179  

Fillipe Silveira Marini, Dr Permanente

http://lattes.cnpq.br/5679958130990854

Solange de Sousa, Dra.

Permanente

http://lattes.cnpq.br/7706343949977030

Belísia Lúcia M. Toscano Diniz, Dra.

Permanente

http://lattes.cnpq.br/8189158626461612

Alexandre Eduardo de Araújo, Dr.

Permanente http://lattes.cnpq.br/3615237118676699

Álvaro Carlos Gonçalves Neto, Dr.

Permanente http://lattes.cnpq.br/1044585519530220

Daniel Duarte Pereira, Dr.

Colaborador

http://lattes.cnpq.br/9991335219423354

 

Contatos:

Portal: www.ufpb.br/pos/ppgcag

E-mail: ppgcag@cchsa.ufpb.br

Fone: 3367-5576 / Ramal: 5576